TRADUTOR DE IDIOMAS

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

Leia agora o comentário mais recente do Blog Diário da Mãe de um Anjo.

terça-feira, 29 de junho de 2010

O QUE PLANTAMOS UM DIA COLHEMOS- UM DEPOIMENTO QUE ME DEIXOU EMOCIONADA

Sempre acreditei que tudo o que plantamos, colhemos, se plantarmos amor, carinho, solidariedade, humildade, um dia colheremos os mesmos sentimentos que deixamos por esta vida afora, e quero deixar registrado um depoimento que recebi hoje em Paranavaí de uma ex- aluna de violão que por sinal tem o mesmo nome que o meu: Ivonete. O depoimento desta amiga me deixou muito comovida e nesta mesma noite que o recebi quando fui dormir agradeci muito a Deus por ter escutado o que escutei. Quando eu era mais jovem, eu dava aulas de violão nesta cidade de Paranavaí, dava aulas na igreja, em minha casa e no conservatório, tudo o que fiz e faço em minha vida, faço por amor, e esta ex-aluna que se chama Ivonete me disse que nunca se esqueceu de mim como professora, ela chegou a estudar apenas uma mês comigo, porque começou a tirar notas baixas na escola, porque só pensava no violão, e sua mãe teve que tirá-la das aulas, mas ela se lembra bem que chegou a aprender 04 músicas comigo em um mês e em um dia daqueles que ela estava estudando, eu dei para ela um bombom, sonho de valsa, ela disse que era pobre na época e ganhar um bombom era o máximo, neste dia ela chegou correndo mostrar para a mãe dela o bombom que ela tinha ganhado, muito feliz, e que ela não tinha violão e estudava em um cabo de vassoura. E depois deste depoimento, vi que Deus mais uma vez estava falando comigo, porque pela providência divina, é ela que esta me ajudando no lançamento de meu livro aqui em Paranavaí. Meus amigos, se ensinarmos as nossas crianças, os nosso filhos a terem gestos de amor, de solidariedade para com todas as pessoas, sejam elas de qual raça ou cor, ou classe social ela for, se nos preocuparmos em passarmos estes ensinamentos para as crianças de hoje, o amanhã será um mundo bem melhor, um dia a sementinha que deixamos de amor em algum lugar, ela poderá crescer e voltar para nós em forma de anjos da terra, como aconteceu agora comigo, obrigada do fundo do meu coração a você Ivonete por seu depoimento, hoje você brilha por si própria, é uma pessoa cheia de luz, que está exatamente no lugar onde deve estar, obrigada por me lembrar que um dia eu fiz uma criança feliz com um gesto tão pequeno, mas tudo que é feito com amor, se torna grande. Parabéns pelo seu belo trabalho voltado para a arte e a cultura de Paranavaí . Você é nota dezzzzzz.

FUI PARA APARECIDA DO NORTE, FREI GALVÃO E CANÇÃO NOVA












No dia 26 agora, sabádo, fizemos um circuito religioso, estávamos em 12 pessoas, e passei momentos inesquecíveis ao lado de pessoas tão maravilhosas, fomos para Aparecida do Norte e cheguei a dar até uma entrevista para a TV Aparecida falando de meu livro, me emocionei e acabei chorando um pouco, mas acho que ficou bom, também fui conheçer o lugar onde FREI Galvão foi enterrado, em sua igrejinha onde pregava, ganhamos as pílulas poderosas de Frei Galvão e pude conhecer um pouco sua linda história de vida, e conheci a Canção Nova, e fiquei maravilhada, um lugar muito santo, que começou bem pequeno e hoje é um lugar grandioso, onde se vê tantas pessoas de fé, de coragem, de amor e dedicação ao próximo. Valeu pela viagem, consegui abençoar o livro mais uma vez, desta vez, abençoado por um padre de Aparecida do Norte que no final da missa abençoa todos os objetos levados pelos cristãos. Quando entrei na sala dos milagres, vi tantos objetos e depoimentos de pessoas que receberam milagres, que não tem como não acreditar nos milagres. Meu filho não recebeu o milagre da cura, mas como disse uma vez aqui, eu acho que ele recebeu o milagre de 12 anos de vida nesta terra, 12 anos como anjo da terra e hoje é um anjo do céu, o importante é não deixar de acreditar em Deus, em um Deus maravilhoso que nos ama muito e nos quer ver felizes, é só acreditar , confiar, confiar sempre.

PRIMEIRO LANÇAMENTO DO LIVRO DIÁRIO DA MÃE DE UM ANJO DIA 14 DE JULHO NA CASA DE CULTURA DE PARANAVAÍ NO PARANÁ


Olá amigos, gostaria de dizer que faremos nosso primeiro lançamento do livro DIÁRIO DA MÃE DE UM ANJO na cidade onde nasci, em Paranavaí no Paraná, dia 14 de Julho na casa da Cultura, a renda será revertida para um projeto maravilhoso que já tive a honra de poder ver pessoalmente as crianças tocando ontem à noite no Teatro daqui, me emocionei bastante, ver crianças se dedicando a música é maravilhoso, estou muito orgulhosa de ser filha de Paranavaí, porque a cidade, a prefeitura, a casa da cultura está realmente investindo muito nas crianças daqui, ontem tiveram várias oficinas, o projeto tem mais de 1.700 crianças inscritas incluindo não só oficinas de música, mas teatro, ballet, capoeira, hip hope, circo, flauta, violão, acordeão, instrumentos de sopro e percussão, inclusive também tem o projeto onde o professor vai até os bairros mais distantes para atender as crianças que não tem condições de vir até onde são realizadas as oficinas, fantástico este trabalho, a arte e a cultura está de parabéns, o projeto que irei ajudar se chama: CLAVE DE LUZ - Desde março de 2009, o Projeto Clave de Luz oferece formação musical profissional a dezenas de estudantes de baixa renda com faixa etária entre 12 e 17 anos na Escola de Música Luzia Guina Machado. O objetivo, além da qualificação, é criar futuramente uma nova orquestra, paralela a Orquestra de Sopros Paranavaí (OSP) que é a responsável por profissionalizar os estudantes. Para manter o projeto, a Fundação Cultural recebe apoio financeiro da prefeitura, no entanto, o Clave de Luz depende também da arrecadação obtida com a venda de ingressos dos shows da Orquestra de Sopros realizados bimestralmente no Teatro Municipal. Gostaria de agradecer antecipadamente todo o apoio que estou tendo da administração da Casa da Cultura, do Paulinho e da Ivonete também, que por sinal tem o mesmo nome que o meu, e dizer que ontem, enquanto estava assistindo as apresentações, lembrei muito de meu filho que queria aprender a tocar guitarra, chorei é claro, não tem como não se emocionar vendo tantas crianças lutando por um sonho, mas meu coração se encheu de alegria ao ver tantos pais corujas aplaudindo seus filhos, é muito importante o apoio dos pais neste momento, Deus estava ali naquele momento, no rosto de tantas crianças lindas, no rosto de tantos pais sorridentes, parabéns a todos que lutam por este belíssimo projeto.

sexta-feira, 25 de junho de 2010

OS EXAMES EM SÃO PAULO DERAM TUDO CERTO

Olá, amigos, graças a Deus minha pulsão da mama deu negativo, está tudo bem, os outros exames estão todos certos também, minha irmã vai ter que operar do útero, tem que tirar, está cheio de miomas, mas ela vai decidir quando será sua cirurgia em breve, hoje estou indo embora de São Paulo para visitar a Canção Nova e depois Aparecida do Norte, quando eu chegar no Paraná, na casa de meu pai darei notícias a vocês, confesso que ainda choro pela saudade do meu filho, é mais forte do que eu, choro todos os dias um pouco, mas é que a saudade dói muito no peito, aperta demais, saber que não tenho mais meu menino para me telefonar e dizer:( Alô mamãe, quando você vem? o que vai trazer pra mim) Não existe sentimento mais triste no mundo, saber que nunca mais verei meu filho a não ser do outro lado, quando eu me for também,
me sinto tão triste, tão só, a voz de meu anjo, o sorriso, me fazem tanta falta, meu Deus , porque não é proibido uma mãe perder um filho?

quarta-feira, 23 de junho de 2010

AGORA, O LIVRO TAMBÉM PODE SER COMPRADO NO SITE DO AMAZON.COM

Mais uma coisa boa para a divulgação do livro, agora ele pode ser comprado também pelo site do amazon.com, que é o maior site de vendas de livros no mundo, mas é melhor para pessoas que moram fora do Brasil porque é em Dólar, mas agora temos mais uma opção, o site da editora: www.biblioteca24x7.com.br e clicar no livro que está em lançamentos, e o site do amazon.com, é só colocar o nome do livro no lugar onde pesquisamos e clicar go, aí vai dar direto no livro. Quero aproveitar e dizer que hoje fui conhecer aqui em São Paulo minha editora que ainda não conhecia, e gostei muito da organização e de toda a equipe, agradecer a Erika e Elan por me receberem tão bem, gostei muito de conversar com vocês. No mais meus amigos, amanhã recebo os resultados de meus exames e manterei meus seguidores informados, na verdade fiz amigos maravilhosos através do blog e cada comentário que recebo, leio todos com o maior carinho e aprendo com eles, é muito bom podermos compartilhar de nossa dor neste cantinho. Obrigada a todos por me acompanharem neste blog e contem comigo, sempre.

terça-feira, 22 de junho de 2010

NOTÍCIAS DE SÃO PAULO

Olá, estou em São Paulo novamente com minha irmã a tratamento médico e tenho algumas notícias: para mulheres que tem medo de fazer uma pulsão na mama para fazer biópsia, não tenham mais medo, hoje eu fiz uma, pois apareceu um nódulo na mama esquerda, os médicos acham que não é nada, apenas um nódulo de gordura, mas pediram a pulsão e eu fui com medo das agulhas, mas foi bem tranquilo, não doeu nada, então se você conhece alguma mulher que esteja com medo de fazer a pulsão, podem tranquilizá-las, é um procedimento sem dor, agora vou esperar a resposta para quinta-feira, no mais queria dizer que passei muito mal e pensei que ia morrer ontem, estava com uma dor no braço muito forte desde o dia que vim de Belém, e quando cheguei aqui precisei ir para a emergência e tomei alguns medicamentos fortes e começei a passar mal, me deu uma grande tontura e muito vômito, fiquei internada um dia e uma noite e não conseguia andar, apenas em cadeira de rodas, não conseguia fazer os exames, pois toda hora estava vomitando, mas Deus foi maior, e ainda não era minha hora, hoje estou melhor, já estou no hotel e ainda continuo a fazer meus exames a partir de amanhã, quando eu estava dopada e passando mal, me deu uma crise danada de choro e minha irmã ficou ao meu lado o tempo todo, pensei tanto em meu anjo, pensei que não pude salvá-lo, que não posso mais viver sem ele, que não fui uma boa mãe, enfim, todos os pensamentos ruíns e irracionais vieram a minha mente, mas hoje quando fui dar um livro de presente para nosso anjo da guarda do Hospital, Dr. Torloni, ele me deu a maior força para fazer um trabalho junto ao Hospital e se a direção concordar, doarei a renda de meu livro que for vendido em São Paulo para a ala das crianças do Hospital do câncer daqui, são milhares de crianças que passam poraqui diariamente, então estou negociando isto, e no Paraná também estou negociando um lindo lançamento agora em Julho e parece que vai dar certo doar a renda para crianças pobres que aprendem música em uma banda, são muitas crianças também , crianças carentes que precisam de instrumentos e da escola, e em Icoaraci onde farei o lançamento em Setembro, vamos doar para um abrigo, é uma associação que fui visitar e fiquei muito emocionada, no tapanã, o abrigo da tia Socorro, uma pessoa única, daquelas raras, que Deus coloca na terra, ela tem 43 crianças que moram com ela, e são crianças em situação de risco, precisam muito de ajuda, ela tem o apoio do conselho tutelar, tem psicóloga voluntária, dentista voluntário, enfim, ela depende de voluntários, é um lugar de muito amor, quando chegar perto do lançamento darei mais detalhes para vocês, mas quero dizer que este trabalho está sendo muito bom para minha vida, ver crianças que precisam e eu posso ajudar um pouquinho, parar de pensar um pouco em mim para pensar no outro, isto engrandece qualquer coração e meu filho com certeza está feliz vendo a mãe dele tentando desesperadamente sobreviver. Quero pedir perdão ao meu filho e aos meus seguidores que me acompanham por ter sido fraca enquanto estava sofrendo tanto ontem, fraca por pensar que não seria digna de ser mãe de um menino tão especial quanto foi o meu, fraca por pensar que a morte seria o caminho mais fácil para tanto sofrimento, agora eu tenho um compromisso com meu filho e com vocês, divulgar o livro e fazer dele uma corrente do bem, onde quem sabe em algum dia em cada cidade do Brasil uma instituição estará sendo ajudada pelo meu filho que já se foi. Perdão meus amigos e bola para frente, hoje estou melhor e sei que Deus cuidará de cada passo meu, que ele me guia, me ilumina e está comigo em todos os momentos de minha vida, que Deus enxuga minhas lágrimas e me faz levantar. Eu te amo, meu Deus querido, eu te amo, Nossa Senhora e amo minha vida.

sexta-feira, 18 de junho de 2010

HOJE CHOREI AOS PÉS DE NOSSA SENHORA NO COLÉGIO QUE MEU FILHO ESTUDOU-LEVEI O LIVRO PARA SER ABENÇOADO

Ontem recebi o primeiro livro que fiz em homenagem ao meu filho, veio apenas um para minha aprovação final antes de vir o grande pedido que fiz para o lançamento. Já fiquei bastante emocionada, mas eu precisava muito fazer uma coisa e hoje eu fiz: Fui ao colégio onde meu filho estudou a vida toda e encontrei uma grande amiga que sempre me deu muita força que é a Vó Lú, também falei com algumas professoras e Irmã Jane e Irmã Cristina que vão me ajudar no lançamento do livro em Icoaraci no dia 02 de Setembro. Convidei a Vó Lú para irmos a Capela que eu precisava fazer uma coisa muito importante, nesta capela onde meu filho tantas vezes orou com os colegas e onde ensaiava para as missas também, a capelinha da escola, onde por mais de uma vez eu participei de várias homenagens e missas junto com ele, pois bem, eu e a Vó Lú fomos juntas à capela e eu debaixo dos pés de Nossa Senhora e chorando muito disse:
( Meu Deus, minha Nossa Senhora, neste momento te entrego toda a minha dor e saudade, eu trouxe este livro que está representando todos os outros que virão, que foi feito com todo amor do mundo em homenagem ao meu filho, para ser abençoado por Deus e por Nossa Senhora, que este livro seja motivo de amor, que cada pessoa que o tocar e ler, que leve uma mensagem de força, coragem e amor para seu próprio coração e de outras pessoas, que o Senhor me dê forças para continuar nesta jornada de transformar dor em amor, que o dinheiro vindo deste livro e de todos os outros seja usado para ajudar, para trazer alegria para corações que precisem tanto disto, que ajude crianças que irão precisar. Meu Deus, que um dia eu seja digna de receber uma resposta para minha dúvida, que é o porquê meu filho teve que ir embora tão cedo, porque ele não teve uma chance apenas para se curar, o porquê de tanto sofrimento para mim e para meu esposo. Que de minha boca saiam apenas palavras de amor e de conforto para quem precisar, que meu coração não tenha espaço para a revolta e amargura. Obrigada minha Nossa Senhora pelos 12 anos de vida de meu filho, pelo filho maravilhoso que a Senhora me deu, obrigada por eu ter sido mãe durante 12 anos de um verdadeiro anjo nesta terra. ) E assim, eu abracei a Vó Lú e chorei muito, e ela começou a orar por mim, para Deus acalmar meu coração naquele momento. Obrigada Vó Lú por este gesto tão carinhoso, e saí do colégio e entrei no carro para ir embora, e chorei tudo o que estava engatado ainda. Gostaria de dizer para meus seguidores e pessoas que entram no blog todos os dias que estou visitando creches e casa de abrigo de crianças para escolher a instituição que irei ajudar com a renda do livro e em breve darei satisfações a todos de qual casa de criança irei apoiar, domingo estarei viajando para São Paulo com minha irmã para fazer exames no Hospital do Câncer e estarei também indo para o Paraná visitar meu pai e fazer um lançamento do livro naquela cidade também. Em breve darei notícias. Um grande abraço a todos e fiquem com Deus.

quinta-feira, 17 de junho de 2010

PORQUE ALGUMAS MÃES MORREM LOGO DEPOIS DE MORRER UM FILHO?

Este é um tema forte, mas preciso falar sobre isto. Tenho alguns casos já conhecidos de mães que morrem um tempo depois da morte de seu filho, esta semana mesmo estava conversando com uma amiga que disse que sua mãe tinha 10 filhos e 01 ano depois que morreu um dos filhos ela veio a partir, também conheci alguns casos de cônjuges que partiram um ano depois do outro , eu acho que tem uma explicação para isto. Sempre acreditei no poder da mente, que nossos pensamentos e sentimentos são responsáveis por nossa saúde e por nosso sucesso ou fracasso, já apliquei várias vezes o poder do pensamento positivo em minha vida e sempre deu certo. Quando morre um filho, uma mãe fica sem motivação para viver, sem sentido, sem alegria, o mesmo pode acontecer com cônjuges ou com a perda de uma mãe ou de um pai, perdas em geral, então em uma mãe o sentimento é de total abandono por si mesma, é muito difícil enfrentar o luto e nos entregamos por um bom tempo, neste tempo em que deixamos de pensar em nós, vem com uma grande força a depressão, tristeza, pensamentos de ir embora para reencontrar nosso filhinho. Quando estamos em depressão ou temos pensamentos negativos ou sentimentos de mágoa, ódio, rancor, tristeza, nosso organismo responde a isto imediatamente, nosso corpo é uma máquina que trabalha a nosso favor ou contra. Nossa imunidade para doenças cai a partir dos sentimentos e pensamentos que mencionei, então se desejamos a morte, de uma forma ou de outra ela virá, por isto há tantos casos comprovados de mães que falecem logo depois de seus filhos. Uma mãe que tem um ombro amigo para chorar e falar de sua tristeza, sua revolta, sua mágoa, tem mais chance de se recuperar mais cedo, falar é importante, e ter um bom ouvinte também é, se uma mãe não encontra na família ou amigos uma base forte para viver seu luto, então será bem mais difícil a recuperação. No meu caso, sempre tive ombros para chorar, para falar de meus medos e tristeza, ombros de amigos, família, esposo, procurei filmes de histórias reais de pessoas que venceram na vida depois de um grande desafio, procuro ler muito sobre o luto e histórias de pessoas que passaram por ele e conseguiram sobreviver. Quando tive câncer que precisei tomar o tamoxifeno, quimioterapia oral por 05 anos através de um comprimido, li a bula apenas uma vez e fiz uma bolinha e joguei longe e disse que não ia sentir nada, em compensação já conheci várias mulheres que caíram até cabelo e não conseguem tomar o comprimido, a diferença nós podemos achar que está no organismo, mas a verdade é que está na mente, enquanto eu digo que não sentirei nada, a outra pessoa pode andar com a bula para cima e para baixo e qualquer sintoma diferente ir correndo olhar se o remédio iria dar esta reação, enquanto eu tive o câncer e me recusei a ficar pensando em quanto tempo teria de vida, e escolhi viver intensamente o pouco tempo que me restava ao lado de meu filho, conheci mulheres até próximas a mim que ficavam procurando pessoas que estavam doente e tinham morrido, procurando histórias de fracasso no tratamento, para mim é esta a grande diferença, a dor vem para todos, mas como enfrentar esta dor é a diferença de cada um. Você pode me questionar e dizer: mas eu não sou forte como você, aí eu digo: só o fato de você dizer que não é forte, você já está se tornando fraco para a cura de seu corpo e de seu coração, repetir palavras de otimismo, mesmo em uma grande dor é muito importante, ter pessoas que te coloquem para cima quando você está para baixo é muito importante também, procurar mães e histórias de mães que conseguiram passar pelo luto e vencer, é importante, tentar pelo menos se levantar da cama e seguir adiante mesmo sem saber para onde, é importante. Nosso cérebro é uma máquina perfeita, ele faz o que mandamos ele fazer, se mandarmos comandos de força, de cura, ele vai acatar, conheço inúmeros casos de pessoas desenganadas pelos médicos que estão vivas até hoje, depois de muitos anos. Mãezinhas que sofrem assim como eu, que às vezes a dor é tão grande que desejamos realmente ir embora logo para acabar com esta dor, mãezinhas, se recusem a morrer, deixem a vida levar seu curso normal, não precipitem esta morte, confiem em Deus que tudo sabe e tudo vê, ter fé neste momento é de uma grande importância para nossa vida, vamos chorar, chorar muito quando tivermos vontade, mas vamos levantar, sempre vai ter alguém precisando de nós em algum lugar, tenham certeza que encontraremos nossos anjos, mas vamos tentar caminhar por eles, eles merecem nossa luta para a vida e não para a morte. Vamos amar a todas as pessoas que precisam de amor, vamos mesmo na dor tentar transformar esta dor em amor., deixo aqui esta mensagem pelos inúmeros casos de mães que desejam a morte logo depois de perder seu filho, eu também desejei muito e talvez no fundo de meu subconsciente ainda deseje, mas estou tentando encontrar um sentido para minha vida, vou deixar dar o tempo de Deus, não vou mais desejar a morte a partir deste momento, e enquanto aqui viver, viverei com meu filho em meu coração, em meus pensamentos, viverei por ele, mas vou me levantar, vou me recuperar e se eu cair novamente, vou levantar mais uma vez e quantas vezes eu cair, será a quantidade de vezes que vou levantar, não vou me entregar à morte, meu filho terá orgulho de mim. Mãezinhas, vamos à luta, levantem, não desanimem, não percam a fé jamais.

SONHEI COM MEU ANJO GABRIEL ESTA NOITE




Gosto de colocar aqui todos os meus sonhos, e esta noite sonhei com meu anjo novamente, eu amo sonhar com ele, eu acho que são os únicos encontros que temos juntos, esta noite estava bem tocada, porque ontem entrei pela primeira vez depois que vendemos, na casa onde morávamos juntos, fui visitar a nova moradora de lá que por sinal é uma pessoa maravilhosa, mas quando cheguei em frente da casa e quando entrei me deu uma grande tristeza e chorei, não me contive, é muita dor, ficava imaginando ele descendo as escadas, com aquele lindo sorriso que eu me desmanchava toda, enfim, quando foi à noite sonhei e deixo mais uma vez meu sonho aqui registrado: SONHO DA MÃE IVONETE: Eu estava indo para um restaurante com minha irmã, minha amiga Marta e tinha outras pessoa que não me recordo, aí quando sentei, vi o Gabriel do lado que não lembro se foi da minha irmã ou da amiga Marta, ele estava com os olhos muito triste, aí começei a conversar com ele, e minha irmã disse que era para eu parar porque não tinha ninguém lá, eu estava ficando louca, só eu podia vê-lo, mas aí saí da mesa e fui para outro lugar com ele, quando me sentei, coloquei ele em meu colo, enchi sua buchecha de beijos e perguntei: VOCÊ JÁ CONHEÇEU DEUS? e ele me respondeu: SIM MAMÃE, e eu disse: ELE É BOM MESMO? e ele respondeu: ELE É MARAVILHOSO, e o sonho acabou. Achei um sonho bastante significativo novamente, como outros que eu tive, também pude beijar meu filho, mas acordei com o coração muito triste, a falta é muito grande e a tristeza bate fundo no coração, e então eu digo: Meu Deus, me ensine a viver sem meu filho, ainda não consigo, me ensine meu Deus, ilumine meus caminhos, preciso do Senhor.

HOMENAGEM DA MÃE DARCILENE AO SEU ANJINHO DO CÉU



MEU CORAÇÃO AINDA DÓI E COMO DÓI!Esse mês completa sete meses que perdi um pedaço de mim, talvez seja a primeira vez que consigo falar sobre o assunto, após a morte de meu filho. Às vezes não importa se filhos são ou não planejados, o que importa é o amor que sentimos por eles, mesmo sem saber como será seu rostinho!Quando engravidamos passamos a amar tanto o ser que está sendo gerado, é um amor incondicional mesmo,quando pensamos que somos fracas , viramos uma leoa pelos nossos filhos, passamos a sentir o que eles sentem... foram 4 meses em uma UTI;As vezes eu pensava que eu iria enlouquecer,eram meus bebes e meu filho Yuri que me davam força, parecia que tinha chegado no meu limite,meu corpo, minha cabeça e meu coração;Desesperada eu queria que meu filho fosse logo pra casa. Lembro o dia e a hora que a Dra. Vânia me disse que na próxima quinta feira eu já estaria com meu bebê em casa, fui pra casa e arrumei tudo, preparei cada detalhe e ficava imaginando sua chegada. Chegou à quinta feira 19 de novembro de 2009, o dia que eu estava ansiosa, para levar Paulo Neto pra casa, parecia que eu estava sentindo que algo não estava bem, indaguei várias vezes a médica, ela me dizia que estava tudo bem. Fui providenciar o leite neocate, comecei a sentir muita dor no meu peito parecia que eu iria ter um infarto fulminante, passou-se um pouco, mas de uma hora, telefone toca, juro como eu não queria atender o telefone,até que veio uma senhora e insistiu que eu atendesse o telefone, era do hospital, para eu ir urgente lá, na minha cabeça eu achava que fosse algo com a menina até porque ela sempre foi o caso mais grave , veio a noticia, que desespero, dor, não consigo nem escrever, presenciei tudo, tudo, tudo,não imaginava que seria um óbito...Claro que filhos são únicos e ninguém vai tomar o lugar do Paulo Neto.como Éramos ligados, eu vibrava com cada avanço. Ás vezes penso que a missão dele era apenas proteger a irmã, como sempre fez desde minha gestação, eu ainda não consigo entender,assim como eu nunca havia imaginado enterrar alguém principalmente um filho, Meu Deus como é dolorido, sinto até hoje a mesma dor no peito, a ferida.... Eu sinto uma sensação de vazio, me foi tirado o meu bem maior, o que eu tive de mais valioso...
Cheguei desmaiar no enterro, meu DEUS, ENTERRAR UM FILHO COMO DÓI!.Não sei o que DEUS QUER DE MIM, AINDA NÃO ENTEDI, MAS REZO TODAS AS NOITES PARA ELE CONFORTAR MEU CORAÇÃO, tem horas que acho que nem sei mais rezar, fico sem chão... MAS ONDE ESTIVER, MEU ANJO SEMPRE EI DE AMAR!Com o coração apertado e os olhos cheio de lágrimas, sei que nunca mais serei a mesma pessoa, isso é impossível; Pois sempre vai faltar um pouco de mim. Emocionalmente tento matar um leão por dia e elevo meus pensamentos a DEUS, peço a sabedoria, força,humildade e coragem para continuar lutando, tudo é muito difícil;lembro-me bem , no dia que me falaram que ele morreu, eu o vi, lutando pela vida, eu disse para Deus “Estou te entregando meu filho”, mas interroguei por quê? O que eu mais queria era uma resposta para me consolar, penso que as respostas eu não vou ter neste mundo ou quem sabe terei. Talvez ele precisasse ir para receber a avó que faleceu após cinco meses...Ser mãe de um filho que morreu é ser a mãe mais forte do mundo!Ele lutava pela vida e até o meu dedo segurou, acho que ele queria dizer para sermos fortes e não desistir! Uma psicóloga me disse que a diferença entre quem perde um filho mais velho e de quem perde um bebê, está no fato de que ambas choram pelo laço da maternidade que foi cortado e uma chora pelas lembranças dos momentos que viveram com aquele filho e a outra chora pelos momentos que ela não viverá com aquele filho. UM ABRAÇO
DARCILENE LOPES(darcilenelopes@hotmail.com)
Belém-Pa,15 de junho de 2010.



terça-feira, 8 de junho de 2010

NESTA NOITE NO MEU SONHO FALTAVAM CORES NO MEU ARCO-ÍRIS

Esta noite tive um sonho muito significativo, que mostrou meu estado de espírito, eu sonhei que eram 02 equipes competindo, e em uma das tarefas chamaram duas pessoas de uma equipe e duas de outra, e de uma equipe me chamaram, não lembro de ninguém conhecido no sonho, mas lembro que a tarefa era desenhar e o desenho mais bonito ganhava, eu lembro que recebi apenas 04 cores de pincéis, e eu não sei desenhar nada, mas aí comecei a desenhar em minha cartolina um arco-íris, e lembro que as outras pessoas estavam desenhando lindos desenhos e alguém me perguntou: Ivonete, você não pode desenhar um arco-íris, vai faltar cores, aí eu falei: Na hora da apresentação eu falo alguma coisa. No momento da apresentação, os jurados eram americanos e tinha uma senhora que traduzia para eles o que a gente falava e eu disse: Este arco-íris podemos comparar com nossa vida, este meu não tem todas as cores, porque nossa vida só pode brilhar quando temos vivas todas as cores em nossa vida, e cada cor significando algo ou alguém, e quem deve buscar estas cores para nosso arco-íris ser completo somos nós mesmo, ninguém pode fazer isto por nós, meu arco-íris falta cor, tem apenas 04, ainda estou correndo atrás das outras cores, não sei quando as encontrarei nem onde, mas hoje é impossível meu arco-íris brilhar, e esta é minha explicação para meu desenho. Nisto eu acordei e pensei muito sobre este sonho, e é claro que isto significa que ainda estou tentando sair do luto, pelo menos não pintei o arco-íris todo de preto, as cores estão entrando devagar, há 05 dias atrás sonhei que fazia cócegas no meu anjo, mas ele tinha uns 06 anos, e ele achava muita graça, foi apenas um sonho rápido, mas eu o via sorrindo muito, eu adorava brincar com ele mesmo já na idade que ele tinha ( 12 anos), de fazer cócegas nele, foi tão rápido este sonho, que pena, que pena...

FESTA JUNINA, E ONDE ESTÁ MEU MENINO ADOLESCENTE?







Desde pequeno eu sentia uma grande alegria em vestir meu anjo para datas especiais, sempre tinha festas no colégio dele e é tão gostoso uma mãe ver seu filho se apresentando, acho tão bonito os pais coruja todos tirando fotos de seus filhos quando eles aparecem, é um mais coruja que outro, é muito legal esta sensação de orgulho dos nossos filhos, um sentimento que nunca mais irei sentir, aqui vai uma dica para os papais: Os filhos apesar de não falarem se sentem muito importantes fazendo uma apresentação e seus pais estarem lá para ver, e eu vejo que nos colégios a grande maioria que aparece para estas festinhas são as mães, então papais, deixem um pouco o trabalho ou o comodismo de ficar em casa e não deixem passar a oportunidade de ver seus filhos se apresentando para vocês, eu amava ir na escola torcer por ele em todos os eventos, eu sinto muita falta disto, é um vazio tão grande não ver mais meu menino fazendo apresentações. Restam agora, apenas algumas fotos de momentos que nunca mais voltarão.

sábado, 5 de junho de 2010

VIDEO DA APRESENTAÇÃO DO LIVRO DIÁRIO DA MÃE DE UM ANJO

Olá, meus amigos, este vídeo foi eu mesma que fiz e está no youtube, espero que gostem, tem muitas pessoas querendo comprar o livro, ele está disponível no site da editora, mas em Julho estarei fazendo um lançamento na cidade que nasci em Paranavaí no Paraná em em Agosto em Belém, espero que gostem do meu livro e que ele possa ajudar algumas pessoas em seus momentos de dor.
video

quarta-feira, 2 de junho de 2010

MEU LIVRO FOI PUBLICADO- UMA VITÓRIA QUE DEDICO AO MEU FILHINHO GABRIEL


PARA LER O QUE ESTÁ ESCRITO NA CONTRA CAPA É SÓ CLICAR 02 VEZES NA FOTO

Enfim, mais uma vitória que dedico inteiramente ao meu filho querido, meu anjo Gabriel, o livro foi publicado e já está a venda no site da editora, foi um trabalho muito prazeroso e estou muito feliz, agora vem a segunda parte e a mais importante, divulgar meu trabalho, quero que todos saibam que toda a renda de meu livro será doada para instituições de caridade, já estou procurando instituições e fazendo parcerias em algumas cidades também, pretendo trabalhar nas cidades assim, encontrar uma instituição que esteje precisando muito e assim doar a renda do que for vendido na cidade para esta instituição, de preferência voltado para crianças, não será um trabalho fácil, sou uma autora nova e minha editora não vende em consignação, mas meu sonho que sonhei a alguns meses atrás e que inclusive coloquei no blog se realizou: a capa do livro saiu exatamente como no sonho, o livro também estará a venda em algumas livrarias online em breve, já estou programando um lançamento em minha cidade: Paranavaí no Paraná agora em Julho, porque estou indo para São Paulo e depois para o Paraná em breve, e o outro lançamento em minha cidade mesmo,em Belém do Pará em Agosto, vou postar para vocês a capa e a contra-capa do livro, o livro está cheio de fotos e com muitos depoimentos , acredito que ficou um lindo trabalho e que poderá ajudar muitas pessoas que estão passando por um sofrimento pela perda de alguém que amava, peço a ajuda de vocês para divulgar meu trabalho ok, o livro se encontra no site www.biblioteca24x7.com.br, e está na parte de lançamentos logo abaixo de onde está os dias de autógrafos dos autores, é só clicar que abre a página do livro, desde já agradeço a todos e espero que gostem da leitura.