TRADUTOR DE IDIOMAS

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

Leia agora o comentário mais recente do Blog Diário da Mãe de um Anjo.

sábado, 14 de janeiro de 2012

PALAVRAS DITAS EM UM FILME ONDE OS PAIS PERDEM SUA FILHA DE 09 ANOS- O FILME CORAJOSOS - UMA LIÇÃO PARA QUEM É PAI

Acabei de assistir a um filme e tirei 02 partes que vou deixar registrado aqui, é uma mensagem de conforto para os pais que perdem um filho e ficamos tão perdidos depois disto, este filme é em especial para os pais, é uma grande lição de honestidade, coragem, fé e amor, vale a pena, se chama Corajosos. No velório da filha de 09 anos do casal que perde sua filha em um acidente de carro o pastor diz estas palavras:
PASTOR: Em um momento com este, o silêncio parece ser a única expressão que se encaixa. O que nós como simples homens dizemos a um coração despedaçado e triste? Nós falamos hoje porque temos uma esperança viva. A morte é uma intrusa dolorosa e uma lembrança maligna de nossa condição humana, mas eu estou diante de vocês hoje para declarar que temos uma esperança viva e isto nos causa uma imensa alegria, nossa esperança hoje está no fato de que Jesus não está sepultado, Ele vive, e porque Ele vive, a filha de vocês vive também, porque Ele vive, o coração partido e sofrido tem esperança e motivo para se alegrar.
Em um outro momento do filme, o pai procura o pastor para conversar cheio de dúvidas, e deixo aqui o questionamento dele que achei super importante e são os mesmos que nós pais temos depois da morte de um filho.
PAI DIZENDO AO PASTOR: - Nós não conseguimos sentir sentido em nada e eu me sinto como se estivesse no escuro e eu quero dar apoio a minha família mas minhas emoções estão uma bagunça, e eu não sei o que fazer.
PASTOR: É necessário existir um processo de luto e o Senhor é quem o conduzirá nisto, e isto leva tempo, leva tempo para sarar, já ouvi dizer que perder um ente querido é aprender a viver com uma amputação, você vai sarar, mas nunca mais será o mesmo, mas eu também diria que aqueles que passaram por isto e confiaram em Deus, descobriram um conforto e uma intimidade com Deus que muitas pessoas nunca experimentaram.
PAI: Eu quero confiar Nele, eu só não entendo o que Ele está fazendo
PASTOR: Bom, Ele não promete uma explicação, mas Ele promete caminhar conosco durante a dor, e a escolha difícil para você é se você vai ficar zangado pelo tempo que não teve com sua filha ou agradecido pelo tempo que teve.
PAI: Eu não quero ficar zangado, eu quero me curar.

27 comentários:

Anônimo disse...

QUE
LINDO É MESMO ASSIM EU SINTO QUE FALTA TODOS OS MEUS MEMBROS,POR MAIS QUE EU ME ESFORCE PARA SEGUONSEGUIUMA PALAVR\ SE QUER EM FRENTE PELAS MINHAS FILHAS E PELO MEU MARIDO É ASSIM QUE EU ME SINTO SEM PERNAS E NEM BRAÇOS,ATÉ MESMO ESCREVER UMA MENSAGEM É DIFICIL E OLHA QUE EU TINHA A MAIOR FACILIDADE PARA ESCREVER,NO DIA QUE MEU FILHO PARTIU DISSE A ELE QUE IRIA LHE ESCREVER COISAS LINDAS E JÁ FAZEM UM ANO E OITO MESES E EU NUNCA C

Anônimo disse...

Ivonete, tenho um carino enorme por vc ,acompanhei toda a sua dor , acompanho sua visa desde que o Gabriel partiu, e vc é uma super mulher passou por tantas coisas dificeis e ainda acredita no futuro, eu perdi um irmão q era meu melhor amigo e já fez um ano, mas a vida ficou sem graça, meus projetos sem cor ,renho quarenta anos e os meus sonhos acabaram...ficou muita dor, muito medo...

Anônimo disse...

Querida Ivonete.Li o seu comentário sobre o filme:
Corajosos.Gostei muito.Faz um anoe quatro meses que minha Mariana partiu.A dor é tamanha que não hápalavras para expressá-la.Tenho acompanhado seu blog e rezo sempre por você.Passar por aqui me dá a sensação de estar conversando com uma amiga querida, com a qual podemos trocar esperanças,fé,solidariedade com quem já passou por
esse turbilhão que é a perda de filhos.Querida, sua coragem é a expressão viva de sua fé.Sabemos que nossos anjos velam por nós e vivemos aqui de passagem.Abraços e se cuide!Bjs
Sirley

Anônimo disse...

Amiga linda, assistimos o filme ontem mesmo,a Marta chorou muito e eu só agradecia e me alegrava por ver a transformação na vida das famílias que entregaram suas vidas nas mãos de Deus, é assim mesmos que funciona amiga, temos que sermos corajosos...Palavras do Pastor:"Ou você vai ficar zangado pelo tempo que não teve com sua filha ou agradecido pelo tempo que teve."
" Jesus não está sepultado, Ele vive, e porque Ele vive, a filha de vocês vive também, porque Ele vive, o coração partido e sofrido tem esperança e motivo para se alegrar." Nesse momento chorei e sorrir, pois quem tem uma intimidade com Deus é assim, as atribulações vem mas não nos abalam. Amo Jesus de todo meu coração e vou levar o nome dele onde eu estiver, sempre falo que o que Deus quer de nós é tão simples, basta que tenhamos uma intimidade com ele, basta que coloquemos nossa vida nas mão dele, basta vc falar: Jesus eu te quero em minha vida, vem cuidar de mim, onde ou for pai que vc esteja em minha frente, quebra pai toda as barreiras que o inimigo esteja planejando pra mim e me dá a vitória em nome de Jesus.
TEMOS QUE ENTREGAR NOSSA VIDA E CONFIAR.!.!.!
Muito obrigada minha amiga por vc ter me mandado o dvd, amei muito... Jesus é o nosso tudo... O Biel vive porque Jesus vive.

Jesus te ama e eu também.

Zelinda de Bona disse...

Querida Ivonete...
Tirei alguns dias de férias pois estava muito cansada o trabalho com o grupo é muito desgastante mais por outro lado é muito gratificande estar caminhando em silêncio profundo com quem está viv6enciando essa dor tão profunda a dor da alma a dor das entranhas a Dor do luto.
gostei muito desta postagem vou ver esse filme e recomendar para essas mãezinhas especiais.
Força amiga estamos rezando pela sua sa'de tudo vai dar certo...
Deus está contigo bjs...

Anônimo disse...

Admirável Ivonete. Para que não hajam dúvidas sobre quem vos fala, a partir de hoje nomear-me-ei "editor". Percebo, como outrora falei, seus estímulos em outro ritmo. Consigo sentí-la mais incentivada após ver um filme como este do roteiro de Alex Kendrick (Corajosos). As citações feitas são interessantes e, pretenso, acrescento que no caso da amputação estar relacionada à dor da perda, apesar do membro amputado não estar mais lá ainda o sentimos como se estivesse. Temos como testemunha os relatos de Lars Grael. O que quero dizer para vc? Vc vai parar de sangrar, mas sarar não creio...e vc nunca mais será a mesma. Mas pense comigo: já que vc não vai ser a mesma, tente ser melhor. Pelos depoimentos que leio, vc parece que é um desses seres humanos inesquecíveis e muito amados. Vc é bondosa e parece não dar valor às materialidades da vida. E vc me pergunta: como começar? E eu respondo a você: Eu vou lhe dizer como eu comecei. Comecei lendo o livro de Rick Warren - Uma vida com propósito (Você não está aqui por acaso). Ademais, por hoje, boa sorte em tudo e não pare de escrever. Vou lhe dar uma sugestão: releia seu blog desde o primeiro dia.

IVONETE disse...

RESPOSTA DE IVONETE PARA O EDITOR -Olá, gostei muito de seu comentário, com certeza és uma pessoa muito bem instruída e atualizada, com uma grande sensibilidade e inteligência, este livro que você leu, Uma vida com propósito eu também já li e me ajudou muito mesmo, é um livro bastante confortador e de palavras que nos tocam fundo na alma e na vida, vou reler meu blog assim que puder, e sobre ser materialista, realmente não sou mesmo, os bens materias nos dão uma certa segurança mas nunca a felicidade e alegria, para mim eu me sinto feliz fazendo outras pessoas felizes, e me sinto muito triste quando vejo tanta pessoas que estão passando o que estou passando e não tendo condições de ter uma alimentação saudável, dinheiro para comprar remédios caros para não dar enjôo, enfim, um tratamento digno de não sentir muitos efeitos colaterais pela quimioterapia, é muito triste isto, a saúde deveria ser prioridade em nosso Brasil, e tem muitas pessoas que tem muitos bens materiais que são infelizes, e sobre ser a mesma depois da morte de meu filho, é verdade, nunca mais serei a mesma, estou tentando ser melhor sim, mas é difícil, precisamos nos vigiar todos os dias para sermos uma pessoa melhor, não é fácil não julgarmos ninguém, ser humildes, mas tenho fé que serei curada e poderei viver um pouco mais para fazer alguma coisa boa em nome de meu filho. Obrigada por seu comentário. Um abraço. Ivonete

Anônimo disse...

Olá Ivonete
Ler o seu blog está sendo uma vitamina para eu me fortalecer novamente. Perdi minha mãe no dia 18/12, minha mãe tão amada que ajudava tanta gente, e infelizmente com problemas no coração, após 33 dias internada veio a falecer, já perdi meu pai, e falava pra Deus que não era justo isso acontecer, pq já não tinha pai, minha mãe foi os dois pra mim nesse tempo, e agora ela partiu. Achei seu blog digitando A DOR DE PERDER UMA MÃE, dai vi seu depoimento para uma menina q perdeu a mãe tb, e a partir dai comecei a ler o seu blog.
Como dói perder alguem que amamos, minha história é mto longas pra contar, mas sabe, é um poko parecida com a sua com respeito as angustias do hospital, UTI, etc.. meu Deus é um filme de terror na vida real.
Pena que nesse filme o pastor é bem claro: Ele não nos prometeu uma explicação ( acho injusto isso sabia) Não que Deus em toda sua grandeza e bondade, deveria vir até a nossa pequenez e nos explicar o motivo q levou nossos membros amados, mas deveriamos ter algumas explicações, enfim...
Mas agora mesmo estou sentindo aquele aperto tão doido no coração, chamando pela minha mãe, olhando num vazio e querendo ve-la de qq forma...
Não tive coragem de ir no velório, e achei bom pq a lebrança q tenho dela agora é dela viva, e a pior imagem é a do hospital, mas sempre VIVA, agora ela vive em outro lugar, né?

Anônimo disse...

Mas umas das coisas q mais me entristece , fora o fato dela não estar comigo é, que em todos os momentos que ela estava internada, todas as orações, confirmações, palvras, sinais, tendiam para que tudo ia acabar bem, ela sairia do hospital e teria uma vida nova.
ela tinha problemas de coração e pulmão, e um dia em adoração ao santissimo durante a trasmissão da canção nova, o padre Roger disse: Deus está tocando em uma mulher q pede um coração novo, e Deus está te dando agora um coração novo, vc q tem problemas cardiacos, Deus te concede agora, eu estava nessa hora de joelho, com a foto da minha mãe nas mãos pedindo um coração novo, depois d eum tempo ouvi a profecia d eum pulmão novo tb, e no entanto o pior aconteceu, fui em alguns cultos evangelicos e confirmaram atraves de orações e palavras q minha mãe seria curada, q eu a levaria lá pra testemunhar, e mitas outras coisas, e qdo ligaram do hospital dando a noticia, eu não acreditei, eu falei não, Deus prometeu a vitória...
Sabe uma outra historia que aconteceu?
meu irmão foi na congregação cristã do Brasil , ele nunca tinha ido, qdo ele foi durante o momento da revelação ele orou assim pra Deus: Senhor me de uma palavra, se for de sua vontade leve minha mãe, mas se não nos de uma luz, entre a VIDA e a MORTE, oq o senhor tem pra dizer. Neste momento o ancião que profetizava disse: Meu irmão vc q não é batizado e perguntou pra Deus entre a vida e a morte o q vai acontecer, Deus te diz: Eu escolho a vida, e qdo os médicos desenganar é ai que minha mão vai agir, e tb o seu emprego vai chegar ( meu irmão estava desempregado) mas na oraçõa não disse nada de emprego.

Anônimo disse...

Vc imagina qdo meu irmão disse isso pra mim, meu coração se encheu de esperança em Deus comecei a chorar e agradecer, isso foi na segunda feira, na quinta feira minha mae melhorou surpreendentemente, os medicos disseram ela reagiu mto bem aos remedios, e já deu sinais positivos. meu irmão me ligou chorando e dizendo Rogério a mãe tá mto bem , ela apertou minha mãr, balançou a cabeça respondendo as perguntas está muito bem... Nossa me alegrei, porém qdo eu fui ver ela a noite realmente ela estava melhor, mas meu coraçao não sentia isso, ela me olhou bem fundo nos olhos e fez um gesto de tristeza, aquilo atingiu meu coração com muita força, sai do hospital chorando, mas não contei a ninguem, apenas confirmei oq meu irmão disse , ela estava melhor, mas eu não senti isso, mesmo os medicos dizendo.
na sexta feira ela piorou.... No sabado piorou mais ainda e qdo eu fui ver ela neste dia 17/12, ela estava com os olhos tampados com gases, disseram q era pra não machucar, pois ela não conseguia fechar os olhos....estava tomando sangue, e o medico disse o quadro dela se agravou muito, comecei a orar muito e expulsar td mal, e declarar a vontade de Deus na vida dela ( veja bem eu sabia qual era a vontade de Deus, pois haviamos tido varias confirmações) eu irmão foi ver ela sabado a noite e constatou q ela estava mto mal, dai eu chorava mto e meu irmão me consolou dizendo, lembre-se da profecia da igreja, qdo os medicos deseganarem Deus vai agir....
No domingo ela faleceu, fiquei revoltado, chegeui a blasfemar falando q eu servia um Deus de mentira... depois me arrpendi, e pedi perdão a Deus....
Mas é uma pena qdo deixamos apenas nossas vontades agir e não escutamos a voz de Deus, tive uma conclusão dessa história Ivonete, Deus é maravilhoso, bondoso e nos ama imensamente, mas ele nãso faz milagres, pq tenho certeza q tanto vc qto eu oramos mto e Deus ouviu, mas acredito q ele não se interfere, e qdo ele interfere deve ter os motivos q não sabemos, imagina familias inteiras q morrem de acidentes de carro nas estradas, pessoas bebadas q matam pessoas inocentes, tragedias, catastrofes naturais etc etc.. onde está Deus? Eu digo Deus não tem nada haver com isso, e está mais q provado q aqui não é o nosso lugar, por isso ele não interfere, só q algumas igrejas querem impor um milagre q não existe, e isso q acabou me matando mais ainda.
Hoje estou me recuperando e aceitando...
Peço desculpa por me extender e se puder me responder a sua opnião eu agradeço
Um grande abraço que Deus te proteja e te guarde
Rogerio - rogerio_producao@hotmail.com

eliane disse...

Oi querida que perdeu a mãe no dia 18/12. Li seu depoimento e fiquei muito emocionada, pois, em abril de 2011 passei pela a mesma coisa. Perdi minha mãe no dia 14/04/2011 e desde esse dia percebi que nuca mais vou ser a mesma, dentro de mim reside um vazio, um buraco, que por mais que aconteça coisas boas na minha vida, para mim nada tem mais sentido, não vejo graça mais em nada, vivo porque tenho que viver, aliás, acho que sobrevivo. Também não tenho mais pai, meu pai já faleceu há 07 anos atrás, ás vezes quando bate o desespero me sinto sozinha, sem minha base, é muito triste e desesperador saber que nunca mais vamos ver nossa mãezinha, que nunca mais vamos comer uma comida feita por ela, que nunca mais vamos poder ter o colo dela. A minha mãe feleceu vitima de um acidente de trânsito, fiquei revoltada, achei que não existia Deus, me perguntava onde ele estava na hora que aconteceu o acidente, porque Ele permitiu que um bêbado atropelasse minha mãe e com isso tirado a sua vida, porque Ele não a salvou já que minha mãe era uma serva Dele. No dia do acidente a minha mãe sai cedinho pela manhãs as 7hs para ir ao mercado e quando ela ia atravassando a rua, um carro que estava parado, deu a ré e passou por cima dela, ela ficou viva 25 dias após o acidente e não resistiu, me pergunteio várias vezez: Meu Deus porque o Senhor não a salvou, porque o Senhor permitiu que um vagabundo morto de bêbado matasse minha mãe. Mas nunca obtia nenhuma resposta. Dizem que Deus sabe de todas as coisa e só Ele sabe o que é bom para nós. Hoje está com 09 meses que minha partiu e acompanho esse blog desde quando ela se foi, foi aquii través da força da Ivonete é que eu estou conseguido caminhar e voltar a ter fé em Deus, Ele é maravilhovo, e sei que um dia vou obter todas as respostas das minhas perguntas. A Ivonete me ajudou muito ela escreveu uma mensagem para mim de conforto, procure aqui no blog que você vai encontrar essa mensagem. Hoje mais recuperada agradeço muito a Deus por eu ter vivido com minha mãe até 30 anos de idade, por ela não ter partido quando eu pequena, como tantas crianças que não se quer elmbram do rosto da mãe, agradeço a Deus por ele ter me dado uma mãe tão maravilhosa. Pense nisso, sei que é dificil, tem dias que tenho recaída, choro, mas peço a Deus que me dê forças para suportar e seguir minha, pois sei que de onde ela estiver ela ia querer me ver feliz.
Um abraço!!
Eliane

Anônimo disse...

Oi Eliane, gostei muito do seu depoimento, temos quase a mesma idade me chamo Rogerio.
Nossa eu imagino sua dor, a perda inesperada, só Deus mesmo, hj estava indo para o trabalho e comecei a lembrar dela, me deu uma crise de choro na estrada dirigindo a 100 km/h mais não conseguia parar de chorar.
Escrevi pra Ivonete ela me respondeu por email, é mto bom ler oq ela escreve. Eu postei aqui q nao acredito em milagres....E como a Ivonete disse, o milagre existe, só q não são pra todos, felizmente ou infelizmente não é pra todos. Estava vendo um video do programa Sorrindo Pra vida, na cançao nova, que o missionario diz: quem pode garantir q Deus tirou aquela pessoa q amamos na hora certa, pq se ela vivesse mais uns 10 anos perderia a salvaçao, se vc soubesse disse vc permitiria q Deus agisse? Dai ele falam os q morrem em Cristo vive, não sabemos o motivo q levou nossas maes irem tão cedo, e como diz um texto q li aqui no blog.. um dia vamos ter a explicaçao.... vou por um pedaço do texto:

`Quem fica perguntando e sofrendo somos nós.
Mas como a vida é um riacho que logicamente deságua, a nossa vez também chegará e, quando isso acontecer, então não haverá mais lágrimas.As que aqui ficaram chorando terão a sua explicação.`

Anônimo disse...

Cont;
Então elaine oq sobrou pra nós foi a saudade, a dor,qdo olho as fotos dela, tão cheia de vida é impossivel acreditar, é impossivel se conformar.
Como viver sem minha mae? Eu sei q um dia ela teria q partir mais imaginava isso qdo tivesse seus 90 anos, e não 50.
Ela conseguiu ir na minha formatura, pena q nao vai ver os netos, meu casamento etc etc.....
não gosto de chorar pq dói mto, meu coraçao de despedaça.. parece q vou morrer de tanta dor,
Quando penso nos olhos dela me abençoando, qdo falava xau, qdo atendia minhas ligaçoes, peço a Deus me deixar sentir isso pelo menos uma vez..
A unica coisa q me apego é em Deus mesmo como vc disse, Cristo vive, é biblico, e tb qm confia nele não perecerá...
Então temos q caminhar, nos apoiar tenho uma amiga q perdeu a mae com 17 anos, hj ela tem 28 ela me disse q fazem 11 anos , e a dor é a mesma.
mas ela tem mto orgulho da mae dela, assim como nós tb. E sabe elaime vc é o reflexo da sua mae, tem sentimentos bons, ajuda as pessoas, nao é preciso te conhecer pra saber isso, pois só o fato de me ajudar e compartilhar sua dor , ja se sabe q vc é uma boa pessoa, e é graças a sua mae.
Que Deus te abençoe
Rogerio

Roh disse...

Olá Ivonete como você está?Estou novamente escrevendo para você,para dizer que estou acompanhando suas postagem!Estava novamente procurando algo que pudesse ajudar a dar conforto a uma amiga que perdeu sua filha com 19 anos no dia 11/12/2011 assassinada com um tiro na cabeça durante um assalto, a dor é muito grande não há consolo,só quem perde um filho ou (a) sabe.Eu li algumas parte de seu blog e fiquei admirada com essa força,garra e determinação sua, é Deus puro ao seu lado estarei sempre pedindo para ele nas minhas orações te manter sempre assim com essa força, e ele vai te dar a vitoria. Um grande abraço amiga posso te chamar assim? Fica com Deus.Rosangela

Anônimo disse...

OOi!Eu leio quase todos os dias o seu blog e me identifico muito!Eu tenho 13 anos e moro no interior de minas,torço muito por você e sei o que você passou e esta passando!Eu encontrei seeu blog ao digitar no google:a dor do cancer.Bom,eu digo que sei o que estás passando porque exatamente hoje,faz 2 meses que eu perdi uma tia para o cancer.Ela tinha 2 filhas com menos de 5 anos e com sua morte,a familia inteira morreu por dentro.Está muito dificil sem ela,ainda mais porque meus pais são separados e ela era minha tia por parte de pai,então acaba que não vejo muito as filhas dela e nem meu pai,ele não me liga e não faz a minima questão de ser um heroi para mim,me desculpe pelo desabafo!eu só queria te dizer que eu chorei muito lendo todas as suas postagens e sinto muito pelo seu filho,mas eu sei que ele tinha uma luz muito forte e Deus precisava dela lá no céu!Sei também que a sua dor não 'morrerá',ela só vai diminuir,mas quero deixar claro que você me dá forças todas as vezes que leio o seu sofrimento mas voce sempre sorrindo e nunca se entregando!Apesar de ser muito nova,pode ter certeza que você é um exemplo para mim!Obrigada por tudo e por mostrar que mesmo na dor,há felicidade!Um beijo e o seu anjinho Gabriel está bem e precisa do seu sorriso!Mais uma vez,obrigada de coração!Continuo a ler seu blog e a cada vez sou mais fã dele!Muita força para nós! -Carol.

Anônimo disse...

Amada Ivonete,sou eu aqui de novo,Carol,mãe do anjo Saile que partiu há 11 meses,e há 8 meses minha mãe,quero deixar aqui uma mensagem p/vc e p/todos que passam pela mesma dor,sou evangélica,olha não são todas igrejas que pregam falsas profecias,na Palavra de Deus,a bíblia sagrada,fala dos falsos profetas bem claro,o Nosso Deus é Ùnico,e verdadeiro,na Sua Palavra está claro que se pedirmos alguma coisa," segundo a sua vontade",Ele nos concede,isso inclue a cura de uma enfermidade,perdi minha mãe de minha filha de 10 anos por enfermidade,e sempre que orava pedia que fosse feito segundo a Tua Santa vontade,assim confiei e continuo confiando em Nosso Deus,porque ele sabe de todas as coisas,e posso afirmar pelo meu testemunho,que vivendo dentro da Palavra,temos uma Consolo do Espírito Santo,uma paz,um conforto,uma intimidade mesmo com o próprio Deus,s/precisar de terceiros,basta vc confiar plenamente em Deus,isso se chama verdadeira fè,ter fé é confiar aconteça o que aconteçer,ter fé não é só dizer da boca p/fora que tem fé em Deus,vc precisa viver essa fé dia a dia,e acredite existe um mundo reservado p/nós,Jesus disse:Meu Reino não é deste mundo...então vamos tentar fazer a Tua Santa vontade,sei amados não é fácil,perdi 2 de vez,minha mãe e minha filha,os maiores elos desta terra,mas estou aqui firme e forte no meu Senhor,e todos dias Ele me dá força p/continuar,agente vive um dia após o outro,e assim vamos seguindo até chegar nosso dia,porque ele chegará,e uma dia ressuscitaremos na Glória,leiam a bíblia,procurem estudá-la,lá encontramos o verdadeiro consolo ,não existem atalhos,Jesus é o único Caminho,Deus os abençoe,Graça e paz,amos todos vcs!Carol

Anônimo disse...

Ivonete,assisti o filme CORAJOSOS e realmente é maravilhoso.Sou uma mãe que carrega essa grande dor de perder um filho.O FILME me fez chorar bastante,mas foi bom.As lágrimas são um banho da alma.

Anônimo disse...

Ivonete, Bom dia. Estou a procurar o filme, mas não tenho certeza se é realmente o que vc está indicando. POderia me dar mais pistas a respeito do nome, seus atores. Procurei em uma locadora e não encontrei. Se puder me ajudar agradeço, poie estamos passando o mesmo aqui em casa. Nosso Henrique de 10 anos tb se foi.

Bruna Magalhaes disse...

Oi querida,boa noite!
Numca tinha visto seu blog,estava a procura destas palavras do filme corajosos e as encontrei aqui.
Torço pela sua recuperação e vou pedir a Deus para cuidar de vc!
Vou te seguir...Vc tem face?
Beijos Guerreiraa!!

Anônimo disse...

oi ivonete espero que vc esteja melhor
estou escrevendo para te dizer que amanha meu filho faria 23 anos meu anjo azul , e que vc mim ajudou muito a enfrenta minha dor ,que doi ,doi muito nao ha remedios ,so DEUs na minha causa pq se nao fosse ele ja tinha mim ido e a pouco tempo perdir uma irma oh senhor dai mim forças e para vc tb aquele abraço quem quizer partilhar comigo a mesma dor pode mim add claragomesfsa@hotmail.com

Francinete Lindoso disse...

Ivonete quero noticias suas este mes de abril vc ainda não colocou nada no blog estou preocupada, por favor atualize com noticias. que Deus esteja com vc.

Anônimo disse...

Olá Ivonete, infelismente há 5 meses perdi meu filho querido de apenas 20 anos de idade, toda minha família é evangélica e meu filho partiu enquanto dormia na madrugada do dia 07/04/12 após ter passado a noite em culto tocando e cantando para Deus. Ele sofria de crises epiléticas e eu tinha toda certeza do mundo que meu filho seria curado. No início fiquei muito triste e desapontada com Deus, mas agora aos poucos estou restaurando o meu relacionamento com Ele. Quero dizer para todas as pessoas que lerem essa mensagem que a dor de perder um filho é pior dor que um ser humano pode suportar, convivo com essa dor ao dormir e quando levanto, todos os dias da minha vida. Perdi um pedaço de mim. mas a bíblia diz que os justos viverão pela fé. Entendo que o Senhor sabe de todas as coisas, e ele vê além do que podemos enxergar. Nossa morada não é aqui, estamos apenas de passagem. E o que me conforta é crê em sua palavra que diz que aquele que crê mesmo que morra tornará à vida.E que estar com Cristo é imensamente melhor do que estar aqui nesse mundo de sofrimento. Sei que o meu filho está com um corpo novo e transformado e nunca mais precisárá tomar remédios nem se preocupar com os problemas dessa vida. Pense nisso. Ainda continuo pela misericórdia dELE e sei que o Espírito Santo consolador tem me consolado e me sustentado mesmo diante de tamanha tristeza e saudade. bjos fica com DEUS.

Carmen disse...

No dia 18/08/12, fez 365 dias que sofro com a ausencia do meu único filho. Somente com a ajuda do meu Senhor, é que tenho tentado superar tudo isso. Sei que essa dor, essa angústia, permanecerão em mim até o fim da minha vida. Mas Leio sempre a bíblia. em especial o salmo 37:29 " Os justos herdarão a terra e habitarão nela para sempre".

Anônimo disse...

Olá sou a Cláudia perdi o meu querido sobrinho diogo de 15 anos num acidente de carro, uma brincadeira de amigos que acabou mal. vai fazer très meses no dia 25 de Setembro o tempo parece que parou no dia 9 de Setembro fez 16 anos fui cantar -lhe os parabéns e nunca desisto de viver mas os meus cunhados pais do Diogo estão a sofrer muito como fazer para superar a dor da perca, o Diogo tem uma mana com 13 anos e ela pede a mãe para que fique grávida que seria a melhor coisa que ela lhe poderia fazer mas a mºae não quer. a dor é muito forte como ajudá-los ajude-me pois também estou a sofrer muito mas em silêncio. sou a ponte forte que eles encontraram para se agarrar. mas por vezes desabo sozinha no meu canto pois estou a recuperar de um cancro de mama e só tenho 33 anos depois de tanto sofrimento ainda tive mais este, será que parou por aqui!!!!! Tenho medo muito medo. mas acima de tudo quero viver para ajudar quem mais precisa. o meu filho diz mamã gosto muito de ti mas tenho saudades do padrinho que era o Diogo seu primo. è apenas um anjo com 5 anos que já tem de sofrer com a perda do amigo primo padrinho enfim o que ele sonhava ser como ele. jogar a bola estudar tudo como o padrinho tal ele diz. até amanhã anjinhos e padrinho descansa bem aí no céu.
obrigado por me deixar postar no seu blog foi muito bom para mim. vou voltar. bjs

Eveline Carvalho disse...

Querida cláudia, sugiro que você leia os escritos da Ivonete neste blog leia os comentários e entre também no blog:www.ielnossoanjo.blogspot.com.br e leia a postagem: vivamos o presente. Entre também no blog enxugando lágrimas e se possível leia o livro: a dor que não tem nome. Antes de tudo fortaleça a sua fé em Deus. Você vai ficar cada vez mais forte e vai conseguir ajudar. um beijo

Anônimo disse...

Olá Cláudia, me chamo Irani, eu postei o comentário do dia 20/12/12, estou passando por esse sofrimento também, perdi meu filho de 20 anos há 6 meses. Um conselho para você poder ajudar os seus familiares é não insistir em falar para a mãe ter outro filho, isso pra ela, por mais que a pessoa tenha boa intenção, é como se outro filho resolvesse o problema da perda do outro, e isso nos magoa. Não insista em falar do seu sobrinho, nem finja que nada aconteceu, deixe a pessoa livre para falar quando sentir vontade. E sentimos muita necessidade de explicações, mas as pessoas tem que ter cuidado com o que fala que pode trazer mais dor, em vez de ajudar. Busque sabedoria em Deus. O Salmos 108:12 fala que só Deus pode nos ajudar a sair da angústia, tudo que o homem falar pode acalmar, mas não vai tirar a nossa dor. E para vc que está passando por uma enfermidade, peço a Deus que venha te curar e dá sabedoria do alto para ajudar seus familiares. Abraço. Missionária Irani

José machava disse...

Forte

Postar um comentário