TRADUTOR DE IDIOMAS

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

Leia agora o comentário mais recente do Blog Diário da Mãe de um Anjo.

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

CONTINUANDO A LUTA PELA VIDA - QUINTO DIA DA PENÚLTIMA QUIMIOTERAPIA

Olá amigos, gosto de vir aqui para deixar minhas notícias sobre meu tratamento, os amigos me cobram através dos comentários e telefonemas, hoje estou no quinto dia da penúltima quimioterapia, e estou passando muito bem graças a meu bom Deus, quase não tenho efeitos nenhum da quimioterapia, que é muito raro, só sinto dor no joelho e cansaço, mas como muito bem e não tenho enjoos, estou bem mais gordinha, domingo me emocionei bastante, era o dia dos enfermos e meu pai e minha amiga Dalvani vieram em casa com um casal maravilhoso da igreja logo depois de assistirem a missa, e me trouxeram a Eucaristia, chorei bastante, e ontem também vieram até minha casa uma amiga, a Rosana e Marisa, elas são evangélicas e fizeram uma linda oração para mim, eu tenho procurado na força de Deus a minha coragem para caminhar todos os dias, tenho altos e baixos, me vejo chorando várias vezes, pela falta do filho e pelo medo da morte, mas o terço que faço todas as tardes em meu quarto com minha secretária e grande amiga Edilma estão me dando uma força tremenda, peço todos os dias para Deus aumentar minha fé, estou lendo um novo livro, que é sensacional, se chama: Amor, Medicina e milagre, e como estou aprendendo com ele, como nossa mente manda em nosso corpo, como nossa esperança e fé nos ajudam a curar nosso corpo, enfim estou amando o livro. Tenho mais uma quimio para ir para São Paulo fazer meus exames e só assim saberei como estou realmente. Meus amigos, a vida é uma luta, todos tem suas cruzes para carregar, uns tem umas mais pesadas e outros mais leves, mas todos temos nossas cruzes, confiem em Deus e vamos viver cada dia com amor em tudo que fizermos, amando o próximo, e amando a Deus.

23 comentários:

Anônimo disse...

Oi Ivonete Boa Tarde!! Encontrei o seu blog por acaso no Google e realmente me emocionou, não consegui entender do que o seu filho faleceu, mas seja lá do que for poder escolher a forma que um filho vai partir não miniminiza a nossa dor. Tenho um filho de sete anos que se chama Guilherme ele é a minha vida e eu amo de uma forma que não dá para explicar. Quase perdi o meu filho a alguns anos mas foi para o pai dele que queria por toda lei ter guarda compartilhada do meu filho que na época só tinha 3 anos, lutei com todas com todas as minhas forças, chorei, gritei, briguei mas só a fé me ajudou. Hoje me casei novamente meu filho e meu marido se amam como pai e filho, o pai biológico vê o meu filho a cada quinze dias. Tudo está bem hoje mas só a fé nos ajuda. Meu filho é lindo, ruivo, dos olhos verdes, amável, carinhoso, ama todo mundo, acho que se dependesse dele no mundo só haveria amor e sorrisos pois ele não faz outra coisa mais fofa do que sorrir. O seu blog nos traz a imensa e maravilhosa vontade de amarmos e dedicarmos cada segundo da nossa vida ao nossos filhos. Obrigada por nos fazer entender que esse amor não existe igual. FIQUE COM DEUS E BOA SORTE. LEMBRE-SE JESUS TE AMA MUITO E QUANDO O FARDO ESTA PESADO ELE NÃO PEGA EM SUAS MÃOS E SIM TE CARREGA NO COLO. Meu nome é Andiara Cristina, moro na cidade de Vinhedo interior de São Paulo.

Lígia de Aquino disse...

Olá Ivonete, sou novata em seu blog, assim como vc, perdi a 9 meses minha filhinha MAYTE com 4 anos e 10 meses. Conheci seu blog fazendo uma busca de mensagens para pais que perderam seu filho, fiquei de cara encantada com a sua força, a sua fé e a perseverança. Criei um blog para minha filha e postei duas mensagens que li no seu blog, pois me emocionaram muito e acredito que assim como me ajudou poderá ajudar outras famílias que choram por seu ente querido.
Tenha fé minha querida que tudo coopera os bem daqueles que amam e buscam a DEUS. A Biblia afirma: No mundo terei aflições, mas tende bom ânimo, Eu venci o mundo. Deus através de vc tem feito uma obra na vida de muitas pessoas. Em Salmos 118:6 está escrito: O Senhor está comigo! Não temerei! Que me poderá fazer o homem? Crei minha amada que DEUS é contigo, Ele luta por vc! Não se atemorize, DEUS está contigo.
Abço fraterno

Andiara Melato disse...

Ivonete passei a tarde toda olhando o seu blog é realmente lindo parabéns. Consegui chegar lá no começo do seu blog e descobri o motivo da passagem do seu filho foi triste e lindo ao mesmo tempo. Mais uma vez parabéns pela força, fé, coragem e dedicação de amor ao seu lindo ANJO.Muita luz para você!!

Anônimo disse...

Ivonete,força e coragem são a bagagem para encarar essa briga.Você é uma vencedora.Que Deus a proteja sempre.Passo aqui algumas vezes, para buscar alívio e perceber que é possível continuar vivendo,lutando mesmo depois de uma grande perda.Perdi minha filha de trinta e três anos há mais de um ano.Ela foi uma guerreira, mas assim como Jesus chamouo seu anjo,também chamou minha filha.Não preciso falar dessa dor você a conhece.
Desejo muita força e muita paz para você.Beijos
Sirley

Anjo meu... disse...

Oi Ivonete,saudades de você...

Nas orações que faço sempre coloco seu nome e admiro sua força...
DEUS sabe das nossas necessidades e da força que cada um tem e acredito que ELE capacita os escolhidos e não escolhe os capacitados.
Você é um exemplo de superação,sua força encoraja muitos que te seguem e te conhecem, não tenho dúvidas disso.
Somos testadas todos os dias,e fé não pode faltar no nosso cardápio.
Continue essa mulher guerreira e estou aqui torcendo muito pra mais esse obstáculo no seu percurso.
Fé em DEUS e muita luz no seu caminho!!!!

danieli silva disse...

Ola,Ivonete,passei meus dois ultimos dias lendo o seu blog.Tambem perdir um ente mt querido meu para essa maldita infermidade.O que me impressionou é a sua Fé!!!
Sua historia é de mta coragem e esperança!
Tenho uma filhinha de dois aninhos e se eu ja a amava,hj depois que conheci sua historai passei a ama-la mais ainda.
Que Deus continue a te abençoar sempre,e que tua fé seje triplicada a cada dia,pois tenho certeza que vc vencerá mais essa dificil etapa em sua vida!!!
Que o Senhor te abençoe ....

Anônimo disse...

olá? meu nome é Paulo Vitor Amorim,sou acolhido do lar acolhedor tia socorro.Bom no primeiro dia en que eu cheguei no lar a primeira coisa que me chamou e chama atenção é o retráto do anjo gabriel; não sei o porque , mas quando olho para ele sinto algo diferênte eu não consigo explicar o que eu sinto, mas é que quando eu lho pra ele não consigo ter outro sentimento a não ser de amor.Eu li um pouco do seu diário falando do anjo e me emocionei muito com tudo.Te admiro muito pelo que você é ...tão grande por dentro um verdadeiro exemplo de amor, nossa ás vezes eu fico pensando se fosse eu não sei o que fária se alguém que amo tanto partisse, eu realmente não sei mas concerteza lá com nosso Pai jesus ele estar nos guardando com todo seu amor.você é um grande espirito evoluido e com o nome de AMOR QUE É O SENTIMENTO MAIS LINDO E FORTE QUE EXISTE E QUANDO TEMOS AMOR, TEMOS DEUS DENTRO DE NÓS MESMOS E ISSO É UM PRIVILEGIO ... FIQUE BEM QUE DEUS CONTINUE TE ABENÇOANDO MAIS E MAIS...NÃO TE CONHEÇO PESSOALMENTE HA ULTIMA VEZ QUE VI VOCÊ AQUI FOI NUM DIA AHI VOCÊ NÃO DEMOROU MUITO E FOI EMBORA, MAS SÓ DE SABER DA MULHER QUE VOCÊ É E DO AMOR TÃO GRANDE QUE VOCÊ ESPALHA NO MUNDO JA TE AMO , VIL BJS.... A TE MAIS.......

Anônimo disse...

R.

Anônimo disse...

Boa noite. Amiga, peço-lhe para postar aqui, uma pequena música que fiz para as mães que perderam seus filhos, se a amiga por acaso não gostar, pode ficar a vontade para retirar. Peço-lhes não reparar os erros de português. Música, (MÃE ESTOU AQUI!) Mãe não chores tanto assim, saiba que ainda estou juntinho de ti, mãe é lindo o seu amor por mim, mas não fique triste assim, pois a morte não é o fim! Mãe não chores desse jeito, ainda eu tenho um coração, que bate no meu peito, e que sofre vendo você chorar assim, não fique tão triste por mim, pois a morte não é o fim! Mãe, eu sempre estou aqui, abra seu coração que ira me sentir, as vezes eu passo as horas a te olhar, mas fico tão triste, pois só te vejo a chorar! fico tão triste mãe, pois só te vejo a chorar! (Voltar no começo) Mãe seu filho apenas viajou não pense que te abandonei, estou aqui e com o mesmo amor, e sempre que eu pudér aqui eu vou voltar, mas eu só serei feliz, quando você não mais chorar! Só serei feliz, quando você não mais chorar! Mãe esqueça um pouco essa dor, tanta gente ai, carente do seu amor, e saiba que eu parti na minha hora, de aquele sorriso lindo mãe, é o que eu lhe peço agora. Mãe não chores tanto assim saiba que ainda estou, juntinho de ti. Um abraço, Valdemir Faleiros

Anônimo disse...

Boa noite. Amiga, peço-lhe para postar aqui, uma pequena música que fiz para as mães que perderam seus filhos, se a amiga por acaso não gostar, pode ficar a vontade para retirar. Peço-lhes não reparar os erros de português. Música, (MÃE ESTOU AQUI!) Mãe não chores tanto assim, saiba que ainda estou juntinho de ti, mãe é lindo o seu amor por mim, mas não fique triste assim, pois a morte não é o fim! Mãe não chores desse jeito, ainda eu tenho um coração, que bate no meu peito, e que sofre vendo você chorar assim, não fique tão triste por mim, pois a morte não é o fim! Mãe, eu sempre estou aqui, abra seu coração que ira me sentir, as vezes eu passo as horas a te olhar, mas fico tão triste, pois só te vejo a chorar! fico tão triste mãe, pois só te vejo a chorar! (Voltar no começo) Mãe seu filho apenas viajou não pense que te abandonei, estou aqui e com o mesmo amor, e sempre que eu pudér aqui eu vou voltar, mas eu só serei feliz, quando você não mais chorar! Só serei feliz, quando você não mais chorar! Mãe esqueça um pouco essa dor, tanta gente ai, carente do seu amor, e saiba que eu parti na minha hora, de aquele sorriso lindo mãe, é o que eu lhe peço agora. Mãe não chores tanto assim saiba que ainda estou, juntinho de ti. Um abraço, Valdemir Faleiros

Anônimo disse...

Boa noite. Amiga, peço-lhe para postar aqui, uma pequena música que fiz para as mães que perderam seus filhos, se a amiga por acaso não gostar, pode ficar a vontade para retirar. Peço-lhes não reparar os erros de português. Música, (MÃE ESTOU AQUI!) Mãe não chores tanto assim, saiba que ainda estou juntinho de ti, mãe é lindo o seu amor por mim, mas não fique triste assim, pois a morte não é o fim! Mãe não chores desse jeito, ainda eu tenho um coração, que bate no meu peito, e que sofre vendo você chorar assim, não fique tão triste por mim, pois a morte não é o fim! Mãe, eu sempre estou aqui, abra seu coração que ira me sentir, as vezes eu passo as horas a te olhar, mas fico tão triste, pois só te vejo a chorar! fico tão triste mãe, pois só te vejo a chorar! (Voltar no começo) Mãe seu filho apenas viajou não pense que te abandonei, estou aqui e com o mesmo amor, e sempre que eu pudér aqui eu vou voltar, mas eu só serei feliz, quando você não mais chorar! Só serei feliz, quando você não mais chorar! Mãe esqueça um pouco essa dor, tanta gente ai, carente do seu amor, e saiba que eu parti na minha hora, de aquele sorriso lindo mãe, é o que eu lhe peço agora. Mãe não chores tanto assim saiba que ainda estou, juntinho de ti. Um abraço, Valdemir Faleiros

Anônimo disse...

Boa noite. Amiga, peço-lhe para postar aqui, uma pequena música que fiz para as mães que perderam seus filhos, se a amiga por acaso não gostar, pode ficar a vontade para retirar. Peço-lhes não reparar os erros de português. Música, (MÃE ESTOU AQUI!) Mãe não chores tanto assim, saiba que ainda estou juntinho de ti, mãe é lindo o seu amor por mim, mas não fique triste assim, pois a morte não é o fim! Mãe não chores desse jeito, ainda eu tenho um coração, que bate no meu peito, e que sofre vendo você chorar assim, não fique tão triste por mim, pois a morte não é o fim! Mãe, eu sempre estou aqui, abra seu coração que ira me sentir, as vezes eu passo as horas a te olhar, mas fico tão triste, pois só te vejo a chorar! fico tão triste mãe, pois só te vejo a chorar! (Voltar no começo) Mãe seu filho apenas viajou não pense que te abandonei, estou aqui e com o mesmo amor, e sempre que eu pudér aqui eu vou voltar, mas eu só serei feliz, quando você não mais chorar! Só serei feliz, quando você não mais chorar! Mãe esqueça um pouco essa dor, tanta gente ai, carente do seu amor, e saiba que eu parti na minha hora, de aquele sorriso lindo mãe, é o que eu lhe peço agora. Mãe não chores tanto assim saiba que ainda estou, juntinho de ti. Um abraço, Valdemir Faleiros

Anônimo disse...

Boa noite. Amiga, peço-lhe para postar aqui, uma pequena música que fiz para as mães que perderam seus filhos, se a amiga por acaso não gostar, pode ficar a vontade para retirar. Peço-lhes não reparar os erros de português. Música, (MÃE ESTOU AQUI!) Mãe não chores tanto assim, saiba que ainda estou juntinho de ti, mãe é lindo o seu amor por mim, mas não fique triste assim, pois a morte não é o fim! Mãe não chores desse jeito, ainda eu tenho um coração, que bate no meu peito, e que sofre vendo você chorar assim, não fique tão triste por mim, pois a morte não é o fim! Mãe, eu sempre estou aqui, abra seu coração que ira me sentir, as vezes eu passo as horas a te olhar, mas fico tão triste, pois só te vejo a chorar! fico tão triste mãe, pois só te vejo a chorar! (Voltar no começo) Mãe seu filho apenas viajou não pense que te abandonei, estou aqui e com o mesmo amor, e sempre que eu pudér aqui eu vou voltar, mas eu só serei feliz, quando você não mais chorar! Só serei feliz, quando você não mais chorar! Mãe esqueça um pouco essa dor, tanta gente ai, carente do seu amor, e saiba que eu parti na minha hora, de aquele sorriso lindo mãe, é o que eu lhe peço agora. Mãe não chores tanto assim saiba que ainda estou, juntinho de ti. Um abraço, Valdemir Faleiros

IVONETE disse...

DE IVONETE PARA VALDEMIR FALEIROS E PAULO AMORIM-Olá, colocarei o comentário de vcs na página principal ok e falarei do lar da Tia Socorro e com prazer colocarei esta letra maravilhosa desta música, gostaria de ouvir a melodia, pois a letra é linda mesmo, parabéns.
Abraços, Ivonete

Anônimo disse...

Amiga, bom dia! Eu queria saber se você recebeu a melodia da música? Um abraço,demir

Anônimo disse...

Amiga, bom dia! Eu queria saber se você recebeu a melodia da música? Um abraço,demir

Anônimo disse...

Boa tarde. Amiga,eu queria saber se vc recebeu a música? É porque esse smartphone está meio com defeito, eu não consegui enviar, mas meu sobrinho disse que já enviou, e se ele não enviou ainda, eu vou lhe enviar pelo computador! Um braço, demir

IVONETE disse...

DE IVONETE PARA DEMIR: Olá amigo, olha vou te passar meu email para conversarmos por email, assim vc pode passar a música por email ok, meu email é ivoneteferrare@hotmail.com, não recebi a música não, ok, abraço, Ivonete

Anônimo disse...

Bom dia. Cara irmã, o meu sobrinho me disse que enviou a música, mas pode ficar tranquila que se vc não recebeu, eu envio pra vc! Irmã, quanto a conversar por email, eu não gosto muito de "escrever," pois eu estudedei pouco infelizmente, e por isso cometo erros de português de uma criança de 10 anos, e isso me deixa meio envergonhado de escrever. Um abraço, demir

Anônimo disse...

Bem...nem sei bem como começar...
Senti necessidade de escrever e, de alguma forma, deixar o meu registro...o registro da experiência de ler esse dia-a-dia de um ser humano que viveu (vive) a dor inexplicável da viagem de um filho. Costumo chamar a morte de viagem e a vida de um vagão de trem. Nós, pais e mães, vivemos brigando e reclamando de alguma coisa de nossos filhos. Há elogios também, isso tudo é normal. O difícil é aceitar isso qdo da partida de um filho (a). Os arrependimentos (do que fizemos e do que deixamos de fazer) se somam à saudade e ao vazio...que imagino ser maior na figura da mãe. Não desejo isso pra ninguém e nem pra mim, mas o inevitável e o impossível existem e somos carregados por inominados sentimentos e eventos que mofificam todos os rumos e sonhos. Acredito que só nos resta o amor de Deus e o de outrem. Neste caso, estou aqui para dizer-te, Ivonete, que eu amo você...do jeito que vc é, por tudo que vc já fez e poderá fazer, por tudo que vc já disse e escreveu...por tudo que vc já chorou. Vc sabe que pode contar comigo. Vc sabe quem eu sou. Vc sabe o amor que tenho por vc. Até que uma de nós tenha que fazer a nossa viagem: Eu vou amar vc.

Anônimo disse...

Boa noite. Ivonete, peço-lhe licença para postar aqui, a letra de outra música que trata do assunto da perda de um filho por uma mãe, se a irmã não gostar pode retirar da página. (Letra da música) Meu coração está sangrando, pois Deus levou o meu amor, levou o meu filho querido, mas não levou minha dor, a como eu sinto saudades, vou em seu quarto pra ver, se ele está la protegido, filho a mamãe quer você. Porque? É o que eu sempre pergunto, sem nunca ter a resposta, sinto o peso do mundo jogado sobre minhas costas, mas vou lutando e espero, um dia reencomtrar, o meu filhinho querido, e o seu rosto beijar. (Voltar no começo) hoje é o seu aniversário, fui ao seu quarto chorar escondido, devagar abri seu armário, à que saudades meu filho querido, cada coisa que eu pegava, meu pranto molhava ai meu Deus que dor, porque levaste de mim?, Aquele que o meu ventre gerou. Porque levaste de mim?, Aquele que o meu ventre gerou. Fiquei ali tanto tempo, até que ouvi uma voz me dizer. Mulher esse seu sofrimento, só te faz mal e não têm um porque, ninguém separa aqueles que se amam, e Deus não me tirou de você, e foi ele que permitiu eu vir aqui pra te ver, foi ele que permitiu, eu vir aqui pra te ver, foi o que eu ganhei de presente, poder ver aquela que me gerou, mãe eu estou tão contente, mas vou pedir a você um favor, pegue tudo que está nesse quarto, e de aos orfãos que estão por ai, mãezinha de hoje em diante, esses serão os filhos que não, sairam de ti. Se a amiga gostou, e quizer corrigir os erros de português eu lhe-agradeço. Um abraço, demir

Anônimo disse...

Boa noite. Ivonete, peço-lhe licença para postar aqui, a letra de outra música que trata do assunto da perda de um filho por uma mãe, se a irmã não gostar pode retirar da página. (Letra da música) Meu coração está sangrando, pois Deus levou o meu amor, levou o meu filho querido, mas não levou minha dor, a como eu sinto saudades, vou em seu quarto pra ver, se ele está la protegido, filho a mamãe quer você. Porque? É o que eu sempre pergunto, sem nunca ter a resposta, sinto o peso do mundo jogado sobre minhas costas, mas vou lutando e espero, um dia reencomtrar, o meu filhinho querido, e o seu rosto beijar. (Voltar no começo) hoje é o seu aniversário, fui ao seu quarto chorar escondido, devagar abri seu armário, à que saudades meu filho querido, cada coisa que eu pegava, meu pranto molhava ai meu Deus que dor, porque levaste de mim?, Aquele que o meu ventre gerou. Porque levaste de mim?, Aquele que o meu ventre gerou. Fiquei ali tanto tempo, até que ouvi uma voz me dizer. Mulher esse seu sofrimento, só te faz mal e não têm um porque, ninguém separa aqueles que se amam, e Deus não me tirou de você, e foi ele que permitiu eu vir aqui pra te ver, foi ele que permitiu, eu vir aqui pra te ver, foi o que eu ganhei de presente, poder ver aquela que me gerou, mãe eu estou tão contente, mas vou pedir a você um favor, pegue tudo que está nesse quarto, e de aos orfãos que estão por ai, mãezinha de hoje em diante, esses serão os filhos que não, sairam de ti. Se a amiga gostou, e quizer corrigir os erros de português eu lhe-agradeço. Um abraço, demir

Silvia disse...

Prezada Ivonete,
Que a paz do Senhor Jesus e a misericórdia de Deus esteja sempre com você. Da mãe do querido Guilherme "16 anos"
Silvia.

Postar um comentário