TRADUTOR DE IDIOMAS

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

Leia agora o comentário mais recente do Blog Diário da Mãe de um Anjo.

domingo, 12 de abril de 2009

TRANSFORMAÇÕES NA VIDA DE ALGUMAS PESSOAS







Depoimentos de transformações na vida de algumas pessoas depois da morte do Gabriel e de como era o Gabriel em vida

- Um amigo disse que o Gabriel todas as vezes que ia jogar bola sempre dava a camisa boa de jogador para ele e ficava com a camisa pior
- Um outro amiguinho disse para os pais que não queria mais jogar bola na seleção porque seu amigo não iria mais estar lá, disse que ele sempre defendia ele dos tapas que os amigos queriam dar na cabeça dele e que ele não deixava os amiguinhos apelidarem ele
- No dia da missa chegou um senhor alcoolizado perto do caixão com algumas flores vermelhas chorando muito, eu deixei ele ficar lá por um tempo depois pedi para meu irmão pegar as flores e colocar dentro do caixão do meu filho, depois vim a saber que ele chorava muito lá fora e que foi perguntado porque e ele disse que seu amigo tinha falecido e que ele nunca mais iria ganhar bombom, porque todas as vezes que ele tinha um bombom ele dava outro para ele
- Uma mãe disse que meu filho salvou o filho dela porque seu esposo aceitou o filho dela em casa para passar 15 dias com ela antes de viajar para ficar com o pai, quando o esposo e ela chegaram no hospital para ver meu filho, ele já estava na UTI e quando ele viu minha dor autorizou-a a levar o filho para casa
- um rapaz na missa da vigília pascal no final chegou até mim e disse que sem conhecer o Gabriel agora ele é o anjo dele e todas as noites ele reza para ele e que o Gabriel até conversa com ele e que ele está recebendo até bênçãos
- estou recebendo muitas mensagens por orkut, de crianças e adultos e de pessoas que não conheço , cartas de pessoas que nunca vi, mães que estão mudando o comportamento com seus filhos, a maneira de tratá-los, e na sexta feira santa, fui em uma via sacra com amigos , fomos em 13 igrejas, e em 04 delas recebi abraços de pessoas que nunca vi, uma senhora que disse que recortou do jornal a mensagem que eu tinha colocado e que vai carregar com ela por onde ela for, outro rapaz que abraçou a gente e disse que estava orando por nós e outra senhora que beijou a foto que estava na minha camiseta e disse que perdeu sua filha de 1 ano e 4 meses e que entendia minha dor e quando chegamos na igreja do Carmo, recebi a benção do bispo D. Orani e o segurança tb veio dizer que estava orando pelo Gabriel , e na parte da tarde o padre Cid falou em uma missa que foi televisionada sobre mim e o Gabriel, disse que eu entreguei meu filho para Nossa Senhora e me agradecia por ter tanta fé, também Irmã Assunta me comparava com Maria pelo seu sofrimento calado e por ter tanta coragem de fazer uma entrega do meu bem mais precioso

4 comentários:

lucy in the sky disse...

Ivonete vc é uma pessoa tão especial.O Gabriel foi um grande presente que Deus te deu,mas ele é que foi privilegiado em ser seu filho.
Como foi amado e imagino o quanto tem sido difícil p vc suportar a saudade.Mas,certamentequando vcs se reencontrarem nunca mais haverá separação.
Fica com Deus amiga e continue dando esse testemunho de fé.

rosicleia disse...

Querida, penso igual a irmã Assunta quando vi a cena que nunca queria ter visto:na quadra do colégio,vc de joelhos na frente do caixão, sofrendo pela perda de seu filho lembrou-me muito Maria santíssima aos pés da cruz.Eu te olhava e pedia tanto à Deus pra aliviar a tua dor e agora fico feliz de saber que vc está tranformando essa dor em um significativo gesto de amor.Também quero te dizer que td que aconteceu resultou a uma grande transformação em nossas vidas, aqui em casa muita coisa mudou.Parabéns pela força e pela fé que ha em ti. Fica com Deus♥

Luna francisca gomes da costa disse...

Ivonete meu nome é Luna Costa tenho 35 anos sou professora de historia e tenho passado por alguns problemas de saude, hoje ao ler o jornal vi a sua mensagen que me chamou atenção e percebi que quando olhamos para trás os nossos problemas são infinitamente pequenos perto do que outras pessoas passam,não tenho filhos mas estou tentando ter pelo menos um pra eu poder sentir pelo meu filho um pouco do amor que voce deu ao seu pequeno Gabriel que mesmo sem te-lô conhecido sei que foi uma criança encantadora e que certamente merece a glória e o reino dos céu já que Jesus disse"...Deixai vir a mim as criancinhas ,porque é delas o reino dos céus..." Seja feliz! Luna Costa

Josiana_wanderley disse...

Olá,não sei direito sobre esse tipo de dor.Talvéz bem de leve eu possa imaginar.Só posso lhe dizer que Deus está sempre do seu lado.E desejo que vc consiga ser feliz denovo.
Hoje em especial,entrei por acaso no seu blog,pq hoje fui agraciada por um livramento.Pois eu e minha amiga ficamos frente a um tiroteiro...E Deus nos livrou...então minha irmã seja forte,continue sua caminhada, pq seu filho quer vê-la feliz.Um grande bjo

Postar um comentário